Pesquisar este blog

terça-feira, 4 de agosto de 2009

ADRIAN ROGERS. PARA REFLETIR

"Não é possível legislar em prol da liberdade dos pobres, legislando de forma a cortar a liberdade dos ricos.

Tudo que uma pessoa recebe, sem que tenha trabalhado, virá necessariamente do trabalho de alguém que não receberá por isso.

Um governo não pode dar algo a quem quer que seja, que este mesmo governo não tenha tirado antes de outra pessoa.

Quando metade da população de um país entende que não precisa trabalhar, porque a outra metade da população cuidará e proverá por ela, a metade que se vê obrigada a prover a outra entenderá que não adianta trabalhar, porque o fruto de seu labor não será seu.

E esse é o fim de qualquer nação.

Não há como multiplicar a riqueza pela subtração".

Dr. Adrian Rogers, 1931 - 2005

Um comentário:

  1. Dilene Caldas Silva19 de agosto de 2009 13:10

    Parabéns!
    Já tinha lido algo parecido, não com a mesma linguagem, entretanto, foram textos escritos por meu irmão que era anarquista e morreu aos 26 anos,o que diferencia é que ele entendia que nem o capitalismo nem o socialismo irão resolver o problema da humanidade e sim o anarquismo.Penso que nosso povo (em se tratando do Brasil)não está preparado para viver o anarquismo também.

    ResponderExcluir